Muita gente faz resoluções de fim de ano, eu gosto de fazer resoluções de início. Terminar o ano é algo maravilhoso mas começar é algo melhor ainda!

Aquele frio na barriga, a ansiedade, um misto de medo e alegria que sempre dá ao se encarar o “novo”. Um novo ano, um novo dia. Tempo de experimentar um novo sabor, um novo hobby, conhecer um lugar novo, fazer novos amigos, ler outros livros, criar novas memórias.

Viver o novo não implica necessariamente em abrir mão do antigo. Devemos manter sempre por perto as coisas que nos fazem bem. Bons amigos, bons hábitos e sempre rir e lembrar dos bons momentos vividos. Tirar aprendizado dos maus momentos também faz parte.

Por outro lado o novo ano nos dá a oportunidade de nos desfazer do não nos fará falta,  sentimentos ruins, “amizades” venenosas, hábitos prejudiciais e tentar fazer diferente.

Neste livro em branco aproveite para escrever o que te dá prazer. Comece um novo projeto, ajude alguém, faça aulas de dança, artesanato, crie metas e objetivos a ser batidos. Somos movidos pelos desafios, se jogue!

Eu sei que é só mais um dia, mas o frescor do começo me dá forças para seguir em frente, mudar o que for preciso e me transformar em uma pessoa melhor; afinal o ano só é novo se nós também somos.

Feliz 2016!

Para saber mais sobre as festas de final de ano no Qatar confira meu post no Brasileiras pelo mundo clicando aqui.

Thaís já foi atriz de teatro amador, bailarina torta, advogada e professora universitária. Mora no Qatar e desde que chegou a Doha, depois de 18 horas de viagem, se descobriu desbravadora. Como uma boa capricorniana não se acostumou bem à mudança, entretanto isso não foi obstáculo para que abrisse seu coração para viver uma nova aventura diferente de tudo que já viveu antes. Aos poucos Doha ganhou seu coração a ponto de sentir o desejo pulsante de dividir com o mundo o que este lugar tem a oferecer.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *