Essa semana fui convidada para conhecer e experimentar os restaurantes Opal by Gordon Ramsey e Gordon Ramsey ambos no St Regis Hotel aqui em Doha.

O gerente dos restaurantes é o Alex; ele é brasileiro de São Paulo, super gente boa, adora uma conversa, e conheceu o blog buscando informações na internet, depois que recebeu proposta para trabalhar aqui no Qatar. Para mim foi um imenso prazer conhece-lo e também degustar de um jantar maravilhoso dividido entre entradas no Opal e prato principal e sobremesa no Gordon Ramsey.

DSC_4099

O Opal é um dos melhores restaurantes de Doha; eu, embora nunca tivesse ido, já tinha ouvido falar muito bem do brunch. Ele oferece tudo que define uma experiência Gordon Ramsey, porém em um ambiente mais descontraído. Como o tempo está bom eu e Thiago aproveitamos para ficar na parte externa aproveitando a vista de tirar o fôlego do Golfo Pérsico.

DSC_4050

Como entradas, o Chef nos serviu costelinhas ao molho de romã, salada de espinafre com com cogumelos empanados e o falafel recheado com queijo, receita típica da região que recebeu um toque especial para fazer parte do cardápio. Só de lembrar aqui eu já estou aguada!

DSC_4070

Para acompanhar, o sommelier nos sugeriu o vinho francês Le Roc Des Domnaine Anges, um dos vinhos de importação diferenciada que tem na adega dividida pelos dois restaurantes.

O Qatar só tem uma importadora de bebidas alcóolicas, portanto a maioria dos restaurantes no país possui a mesma carta de vinho que também pode ser adquirida junto a importadora por todos os habilitados.

O Opal e o Gordon Ramsey buscando exclusividade conseguiu junto a importadora trazer vinhos diferentes que só são possíveis de se encontrar lá.

DSC_4066

Para os pratos principais nos mudamos da varanda do Opal para os salões do Gordon Ramsey. Esse restaurante, por ser bem reservado, é bastante procurado pelos famosos, embaixadores e políticos nacionais e internacionais que visitam o país.

Vencedor do prêmio de restaurante mais romantico em 2013 e 2014, na lista dos melhores restaurantes de 2015 da revista Time Out Doha e ainda vencedor do prêmio de melhor restaurante pelo Middle East Hotel Award, só posso tecer elogios ao espaço, ao serviço  e principalmente a comida.

DSC_4078

Fomos recebidos com muito carinho por um garçom que fazia questão de ressaltar que os pães que estavam na nossa mesa são feitos diariamente por eles mesmo com uma seleção especial de azeitonas importadas.

Além dos pães tínhamos também bolinhas de arroz com queijo e tomate (amei demais! Quase pedi a receita pro chefe) canapé de queijo e carpaccio de carne e pedaços de queijo Parmigiano Reggiano.

DSC_4080

Eu pedi, como prato principal, um prato chamado Pan rosted  farm sea bass, que é um peixinho branco que estava uma delícia. O gosto suave do peixe combinava perfeitamente com os tomates cerejas, alcachofras e azeitonas que o acompanhavam.

Thiago pediu o Risotto carnaroli gallo gran riserva que tinha como ingredientes principais o queijo parmigiano reggiano, aspargos e açafrão, ele, que é exigente e adora um prato italiano, disse que estava uma delícia.

DSC_4089

Para fechar com chave de ouro de sobremesas pedimos eu, por sugestão do garçom simpático, um Millefoglie vanilla mascarpone que é composta de uma massa caramelizada acompanhada de frutas vermelhas marinadas em balsâmico com creme de mascarpone; Thiago comeu uma sobremesa chamada Semifreddo que é feita de trufas pretas com purê de baunilha com castanha, ele achou fantástica a mistura.

DSC_4090

Muita gente agora pode estar pensando: Poxa a Thaís só postou isso pra deixar a gente com agua na boca! Se você foi um desses eu te digo: Mas é claro que nãoooooo! Todo mundo pode ter essa experiência gastronômica e o melhor, leitor do DesbravaDoha tem 20% de desconto nos dois restaurantes sobre o valor total da conta.

Isso mesmo! Você não está sonhando. O Opal e o Gordon Ramsey darão 20% de desconto na conta do seu jantar ou almoço, basta dizer que você é meu leitor. 

A reserva pode ser feita em português com o Alex, que é o gerente, pelo email alex.cale@stregis.com ou telefone +974 44460116. Ele está esperando vocês lá! E do jeito que foi bom quem sabe eu também não esteja repetindo a dose =)

Thaís já foi atriz de teatro amador, bailarina torta, advogada e professora universitária. Mora no Qatar e desde que chegou a Doha, depois de 18 horas de viagem, se descobriu desbravadora. Como uma boa capricorniana não se acostumou bem à mudança, entretanto isso não foi obstáculo para que abrisse seu coração para viver uma nova aventura diferente de tudo que já viveu antes. Aos poucos Doha ganhou seu coração a ponto de sentir o desejo pulsante de dividir com o mundo o que este lugar tem a oferecer.

5 comments on “St. Regis para brasileiros – desconto e reserva em português =)”

  1. Oi Thais, estou querendo fazer uma conexão longa aí em Doha porém como vou emitir com milhas a Qatar airways não provedencia o visto + hospedagem e ouvi dizer que os hoteis fazem isso porém só com duas diarias.Você sabe alguma coisa sobre isso no St Regis?Temos desconto só no restaurante ou no hotel também.Estou bem perdida pois nem me passava na cabeça ir para Doha mas depois que surgiu a oportunidade fiquei louca para conhecer, e tenho uma noite e um dia aí pois meu vôo chega as 22;00 e só sai no outro dia as 19h.Estava bem tranquila pois a Qatar airways providencia um pacote de visto + hospedagem +translado , agora vou ter providenciar tudo.Qalquer ajuda será bem vinda
    Katia

    • Oi Katia! infelizmente esse desconto é só para o restaurante. Sei que o St Regis providencia o visto, mas não sei quais são as regras. Você pode tirar o visto por uma agência de viagem. Aqui tem uma chamada Cleopatra Travel que os brasileiros usam muito. Espero que você curta muito a viagem! O que eu puder ajudar é só falar, abraço!

  2. Obrigada pela atenção, mas infelizmente não deu certo de fazer esta conexão!Mas com certeza da próxima vez irei tentar ficar pelo menos uns 2-3 dias aí, pois fiquei
    encantada com a cidade!

  3. Ola Thais!
    Muito bom o seu post sobre Doha! Parabens!
    Uma pergunta, o hotel `e completamente acessivel caso eu queira apenas jantar la?
    E os precos, como sao em media?
    🙂 Agradeco a atencao..desculpe a falta de acentos! 🙂
    Van, RS, Brasil.

    • Oi Van!É acessível, qualquer um pode entrar. Se você quiser usar a piscina paga um day pass. Para ir ao restaurante paga só o que você consumir.

      O restaurante é com estrela, então os preços são compatíveis com o status. Fica menos mal porque você tem 20% de desconto por ser leitora do DesbravaDoha.

      Grande abraço!

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *