No dia 21 de fevereiro acordamos com uma enorme nuvem bege a nossa janela, estávamos no meio de uma tempestade de areia!

Os meteorologistas e os canais de notícias afirmaram que essa nuvem de poeira veio da Arábia Saudita e iria pairar sobre o Qatar durante todo sábado e se estenderia até o domingo, causando assim uma redução da temperatura que, para o mês de fevereiro, está alta.

dusty1

A tempestade de areia ou tempestade de poeira é um dos fenômenos denominados litometeoros  e ocorre quando a umidade relativa do ar é mais baixa que 80% permitindo a suspensão de partículas em sua maioria sólidas mas não aquosas pelo ar. Ou seja, somos engolidos por um mar de poeira gigante.

Nessa minha estadia aqui em Doha eu já passei por algumas tempestades de areia, sendo a primeira a melhor de todas, ou pior, depende do ponto de vista!

Estava eu em busca de um taxi na rua e percebi que meus vizinhos estavam tentando me alertar sobre alguma coisa, como eu não falo nem árabe, nem hindi, nem urdu fui incapaz de entender o recado. Continuei andando até que cheguei a um ponto onde eu não conseguia ir para frente, nem voltar para minha casa. Resultado: olhos vermelhos, toda a pele descoberta com uma fina camada de areia e meu cabelo parecendo a Gal Costa nos anos 80!

sandstormy

As tempestades de areia são comuns em regiões muito secas e sem muita vegetação, como é o caso aqui do Qatar. A intensidade dos ventos pode variar muito, ocasionando desde um levantamento de poeira (mais comum) a até tempestades de areia propriamente dita com ventos de até 100 km/h.

sandstormy3

Fuçando pela internet achei dicas de como sobreviver a uma tempestade de areia que eu deixo aqui, para que, caso um dia, você caro leitor, passe por uma situação como essa não seja pego desprevenido igual a mim na minha primeira experiência.

1- Fique atento aos avisos de tempestade. Tecnologia tá ai pra isso, no seu cellular você já pode ter uma ideia de como está o clima antes de sair de casa. Além disso temos aqui um site de notícias muito bom o Doha News.

2- Esteja preparado. Caso sair seja inevitável, tenha consigo mascara, óculos e água além de uma roupa bem coberta para não ficar com areia agarrada pelo corpo.

3- Fuja da tempestade. Se ver uma tempestade a distância e estiver de carro, você pode ser capaz de fugir dela. Algumas tempestades viajam a mais de 120km/h, mas frequentemente elas andam muito mais devagar. Ao fugir da tempestade, não se ponha em risco por dirigir em altas velocidades. Se a tempestade estiver lhe alcançando, é melhor parar e se preparar. Quando entrar na tempestade, a visibilidade vai ser reduzida a zero em questão de segundos. Pode ser tarde demais para frear.

4- Pare. Se estiver em trânsito e a visibilidade cair a menos de 100 metros, saia da estrada, puxe o freio de mão, desligue os faróis e todas as luzes.

5- Pegue cobertura e fique parado. Não tente se mover às cegas em uma tempestade sem visibilidade, pois você não será capaz de ver os perigos no caminho, o melhor que se tem a fazer é esperar em local seguro.

6- Proteja-se de objetos voadores. Cubra o máximo possível do corpo, para se proteger da abrasão da areia. Além do mais, a tempestade pode levantar mais do que areia, e objetos pesados no ar podem ser perigosos. Se estiver sem abrigo, fique abaixado próximo ao chão, com os braços protegendo a cabeça, uma mochila ou até um travesseiro.

E depois dessa ainda tem gente que tem coragem de dizer que o Qatar é chato! Aqui vivemos quase dentro do filme do Indiana Jones !

Bonus: Vídeo de uma tempestade de areia aqui no Qatar no ano de 2013.

https://www.youtube.com/watch?v=_FQOnHYddIc

Thaís já foi atriz de teatro amador, bailarina torta, advogada e professora universitária. Mora no Qatar e desde que chegou a Doha, depois de 18 horas de viagem, se descobriu desbravadora. Como uma boa capricorniana não se acostumou bem à mudança, entretanto isso não foi obstáculo para que abrisse seu coração para viver uma nova aventura diferente de tudo que já viveu antes. Aos poucos Doha ganhou seu coração a ponto de sentir o desejo pulsante de dividir com o mundo o que este lugar tem a oferecer.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *